quinta-feira, dezembro 23, 2010

Todos passarão. Eu passarinho!


Em 84 tive medo do mundo. E vinguei.
Em 85 tive medo de dente. E mordi.
Em 86 tive medo de falar. E falei.
Em 87 tive medo de cair. E levantei
Em 88 tive medo de escuro. E dormi.
Em 89 não tive tanto medo.
Em 90 tive medo de irmã. E ganhei.
Em 91, 92 não tive tanto medo.
Em 93 tive medo de perder minha avó. E perdi.
Em 94 tive medo do Brasil. E deu gol.
Em 95 não tive tanto medo.
Em 96 tive medo de dançar. E errei.
Em 97 não tive tanto medo.
Em 98 tive medo de não conseguir. E consegui.
Em 99 tive medo da virada do século. E virou.
Em 2000 tive medo da virada do milênio. E virou.
Em 2001 tive medo da maior idade. E conheci.
Em 2002 tive medo de me perder. E encontrei.
Em 2003 tive medo de viver sem meu pai. E fiquei.
Em 2004 tive medo de morrer. E vivi.
Em 2005 tive medo de ficar louca. E fiquei.
Em 2006 tive medo de ouvir música. E ouvi.
Em 2007 tive medo de publicar livro. E deixei.
Em 2008 tive medo de ser cética. E achei.
Em 2009 tive medo de ser eu. E fui.
Em 2010 tive medo do seguro. E estive.
Em 2011 tenho medo de ficar milionária. E serei!!!!

hahahahaha!!!!

Desejos a todos um feliz natal. E um ano novo repleto de sonhos a serem realizados -  bem modestos como os meus!!!!!

3 comentários:

Michele Peixoto disse...

Por vezes o medo, a insegurança nos acompanham, mas estes quando na medida certa nos permitem ficar no eixo entre a loucura e o apático, é normal e importante que sintamos medo mas que este não nos impaça a caminhada. E quando seguimos o que vemos é justamente o passado concretizado em coisas palpáveis em nosso presente.
Agora eu não tenho nehuma dúvida de que será milíonária!!! heheheh

Te Amo!
Siga >>>
Vá >>> Ser >>> VOCÊ !!!

Thaís disse...

Que máximo isso!
Amei!
hahahaha

Leozito Cabrito disse...

E eu tava por perto...
Pelo menos em alguns desse anos...