quarta-feira, dezembro 05, 2007

imortal


E, por fim, viemos estamos continuamos morremos e (?) continuamos (...). Continuamos, dando ou doando? Continuamos lama profana ou alma sacana? É difícil falar do que sente, imagine falar da matéria quando ela já não faz mais algum sentido?! Que se amar a vida fosse fácil amaríamos a morte difícil, mas amaríamos, e aí que tá. Faz sentido sim. O difícil é mais gostoso e apodrecer na terra serve ao gosto da larva e sorve ao sumo da lavra. Ser num estado de não ser, mas ser e SER útil. É a explicação da explosão do big que não é assim tão bem. Mas é. Pra gente, que veio, e sobraram às obras e sobras, resta-nos a arte que é um estado constante que alimenta a participação dos pós para os após. Seríamos então, talvez, apóstolos dos mestres astros artistas passados? Mais ou menos isso. Não interessa seus quadros, não interessa suas músicas, não interessa seus nervos. Interessa sua intensa e irresistível manifestação de enraizar-se em terra. Daí até as críticas é outra questão. O conteúdo é a soma do uso. Utilizar de si com a exploração dos seus, catar pedacinhos de deuses e in-formar ateus. Tocar o dedo no céu e na ferida dos teus. Perceber a condição de distração. Se distrair, dividir, atirar e atrair as idéias. Entender que a criação é um estado de re-inventar, re-descobrir, re-alimentar, re-definir o re-conhecimento. Só isso. Uma junção que parte do principio pra sabe lá seus fins.

Capisce?

5 comentários:

mary disse...

rilke que os partam!

Renato Villaça disse...

Desculpe.

Penso que parei de pensar.
Sinto que parei de sentir.

Acabaram os son(ho)s.

bj.

Salve Jorge disse...

Se essa sua alma
Tão imensa
E tão propensa
A ser errante
E sem calma
Sorver cada instante
Certamente haverá imortalidade
Para sua magnificidade
Para sua arte inebriante
E eu estupefacto
Só proporia um pacto
Para darmos vazão ao impacto
Vertendo verbos inconsequentes
Adocicando nossas mentes
Não deixando nada intacto
Ante nossos espíritos indolentes
E daqui pra frente
Imortalizando-nos nos diálogos...

Rodrigo Saturnino disse...

Bueno!!! Abrasos

Rodrigo Saturnino disse...

bueno!! Abrasos! Conhece o Binoculo? www.obinoculo.com.br
vaila..